T-Rex. Tranquilidade em cada detalhe.

Você já sabe que pode contar com T-Rex para ficar mais tranquila e garantir mais segurança para quem você ama.

São muitas funcionalidades em um app só.

Basta configurar os alertas de acordo com a sua necessidade e o perfil da pessoa que você está acompanhando.

Vamos relembrar alguns deles e ver como é simples viver muito mais leve?

Alerta Localização

Saiba quando a pessoa chegou ou saiu de determinados locais. Configure:

Primeiro passo: Abra o T-Rex e selecione a pessoa de quem você gostaria de receber os alertas. Clique no ícone de configurações.

Segundo passo: Ative o alerta “Geo Fencing Alerts” e clique em “Add a new Geo Fencing alert”.

Terceiro passo: Nomeie o lugar do qual você deseja receber a notificação (ex: casa, farmácia, clube) e escreva o endereço do local em “Procurar endereço”.

Quarto passo: Defina se você quer ser avisado quando a pessoa chegar ou sair do local e quantos metros de raio entorno deste local para que o alerta seja emitido
(ex: receber alerta quando a pessoa sair do raio de 450m de casa).

Quinto passo: Selecione os dias da semana e o horário que você quer ser avisado. Depois é só clicar em “adicionar” e então em “salvar”.

Alerta Choque

Quer saber se a pessoa bateu, caiu ou se chocou com algo? Agora:

Primeiro passo: Abra o T-Rex e selecione a pessoa de quem você gostaria de receber os alertas. Clique no ícone de configurações.

Segundo passo: Ative o alerta “Detecção de choque” e clique em “Salvar”.

Alerta Bateria

O maior inimigo das mães: quando acaba a bateria do filho. Saiba e o avise antes:

Primeiro passo: Abra o T-Rex e selecione a pessoa de quem você gostaria de receber os alertas. Clique no ícone de configurações.

Segundo passo: Ative o alerta “Nível mínimo de bateria” e defina quanto de bateria a pessoa precisa ter para você ser avisado (Ex: 15%). Depois é só clicar em “Salvar”.

Ainda não tem o T-Rex? Clique aqui e baixe agora nosso app!

 

Futebol não é pra meninas? Oi?

Desmistificando o futebol. Motivos para sua filha também entrar em campo.

 

Muitos de nós fomos criados para aceitar determinadas coisas como verdades absolutas. Um exemplo bem forte é a velha (velha mesmo) frase: “meninas são frágeis”.

 

Ainda bem que agora vivemos em outro momento e essa cultura pode ser finalmente desmistificada. Mas tudo começa dentro de casa. É importante olhar para trás e vermos quantas coisas foram conquistadas e estimular cada vez mais essa mudança de pensamento.

 

Sim, mulheres jogam futebol. E muito bem. Tão bem quanto os homens, já foi inclusive comprovado em uma pesquisa. O estudo liderado por Julen Castellano, da Universidade do País Basco, comparou o desempenho físico e técnico de atletas masculinos e femininos e concluiu que, apesar do primeiro grupo apresentar uma melhor performance física, as meninas não devem nada em relação à performance técnica.

 

Bom, já sabemos que futebol não é um esporte só para meninos. Mas você sabia que, além da emoção e da importância de quebrar barreiras, existem outros muito benefícios escondidos em campo?

 

A prática melhora o humor, define o corpo, diminui a ansiedade e muitas outras coisas.

 

Jogar futebol queima muitas calorias! O treino contém exercícios focados na resistência física e nas práticas coletivas. Essa rotina oferece um ganho de massa muscular e melhora muito o consumo de oxigênio do corpo.

 

Aprender a se defender no campo também pode transformar as meninas em pessoas mais confiantes fora das partidas e encarar os desafios do dia a dia com muito mais facilidade.

 

Além de ser uma excelente atividade para praticar, o futebol também ajuda a controlar a ansiedade e ser mais sociável. Com ele, o corpo libera muita endorfina, o hormônio que combate o stress, o mau humor e o cansaço.

 

E então? Todo o plano tático está aí. Agora basta incentivá-la a fazer o que gosta, sem medos e preconceitos.

 

 

Trabalho voluntário não ajuda só quem precisa.

Descubra como incentivar seus idosos queridos a serem voluntários pode dar um novo propósito à vida deles. E para os adolescentes, sabia que o voluntariado pode ser uma bela ferramenta para conseguir uma vaga?

 

O que você pensa quando falamos sobre trabalho voluntário? Alguém ajudando outra pessoa ou animal em situação de risco ou abandono, dando algum bem material, alimento ou palavras de alento? Ser voluntário vai muito além de ajudar. É realmente se colocar no lugar do outro, respeitá-lo, compreender de verdade o que ele está passando. É buscar sempre o melhor de si mesmo e fazer o outro buscar o que tem de melhor.

Essa troca pode ser realmente poderosa para ambos os lados. Para quem é ajudado, óbvio. Mas, para quem ajuda, é uma forma linda de crescer como ser humano, de enxergar potencialidades que nem sabíamos que tínhamos. Os benefícios vão muito além do bem-estar da pessoa que está recebendo este carinho e da satisfação de quem o dá. O trabalho voluntário te faz adquirir habilidades e competências pessoais e profissionais. Quer ver?

 

Jovem voluntário = UP no currículo

Cada vez mais recrutadores vêm considerando a iniciativa de uma ação voluntária na hora da contratação. Quem já participou de um programa acaba levando vantagem, sendo considerado até critério de desempate em algumas vagas. Isso porque os líderes acreditam que, além de humanizar o profissional, habilidades importantes são evidenciadas. Trabalho em equipe, empatia, comprometimento na execução e a resiliência são algumas delas.

É claro que a principal característica de um trabalho como esse é transformar os jovens em melhores seres humanos, mas também é bom saber que isso pode ser ponto importante no currículo. As habilidades adquiridas durante o processo também devem ser evidenciadas.

 

Idosos voluntários = UP na vida.

A pessoa que se voluntaria também percebe mudanças muito importantes como o aumento da autoestima e a diminuição da ansiedade e do estresse. Isso significa que o trabalho voluntário pode ser uma excelente opção para seu idoso querido combater a depressão. De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 20% da população idosa sofre com depressão. No Brasil, o número gira em torno de 15%.

A doença está muito ligada ao sentimento de que o idoso foi excluído socialmente. Uma atividade em que ele se sente útil e importante na vida de alguém, além de construir laços e conhecer diferentes pessoas torna a vida mais divertida e com sentido. Por meio do trabalho social, ele também pode demonstrar suas habilidades e experiência de vida, o que aumenta a motivação para realizar tarefas no dia a dia.

 

Que tipo de trabalho pode ser feito?

O trabalho voluntário tem uma gama enorme de opções.

Você pode incentivar jovens e idosos a prestar serviços em orfanatos, entregar doações para moradores de rua e até a grafitar carroças para colaborar com os catadores de rua.

As possibilidades também passam por ajuda na construção de moradias populares ou palestras para comunidades carentes. Algumas associações prestam um serviço emocionante de contar histórias para crianças hospitalizadas.

Também existem programas específicos para idosos: o voluntário pode prestar serviços em asilos ou até passar uma tarde só conversando com os residentes.

Basta procurar na internet ou pedir uma indicação para alguém que já tenha experiência no voluntariado. Se a vontade não falta, opções também não.

Quer ter mais seguidores no Instagram? Inclusive seu filho?

Como tirar fotos melhores e fazer Stories incríveis no Instagram. Até seu filho vai virar seu fã.

 

Às vezes a gente se sente um pouco insegura nas redes sociais. Tem muita coisa que precisamos aprender para chegar no nível dos adolescentes. Mas com algumas dicas simples você pode evoluir muito nas fotos e, quem sabe, ter até um novo assunto para discutir com os filhos. Preparada para ganhar seguidores?

 

Tão simples e tão necessário.

 

Essa é uma dica universal porque muita gente acaba esquecendo desse detalhe tão pequeno, mas que faz uma grande diferença. Como a gente mexe muito no celular durante o dia, é natural que você acabe encostando os dedos na lente. A gordura da mão pode deixá-la borrada e prejudicar as fotos.

 

Antes de fotografar, basta limpar delicadamente com um paninho macio. Se você não tiver um, use a camiseta mesmo, mas bem de leve, para não apertara lente.

Uma ideia iluminada.

Pode parecer bobagem, mas a iluminação é essencial para tirar uma foto interessante. Tente sempre fotografar com a luz natural, perto de uma janela, porta ou ao ar livre. Se não deu, nunca tire fotos com flash! As fotos ficam super estouradas e feias. Quando estiver num local escuro, peça para alguém iluminar com a própria lanterna do celular. Imagine pedir isso para o seu filho? Ele vai ficar surpreso com a sua técnica.

Sabia que seu celular tem enquadramento?

A configuração de ter uma grade de enquadramento existe na maioria das câmeras. Basta acessar a configuração. Essas linhas de enquadramento são perfeitas para fotografar. Você pode acertar na simetria das fotos, centralizar e acertar nas linhas naturais dos cenários para o enquadre.

Não é filtro, é edição!

O Instagram tem um monte de ferramentas que vão além dos filtros já conhecidos. Use e abuse delas. No “ajuste”, você alinha a foto. O “brilho e contraste” serve para balancear. Com “estrutura e nitidez” você explora a nitidez da foto. Na “temperatura” você pode, por exemplo, deixar uma foto apagada com uma luz diferente. Ajuste cores em “saturação e cor”. E ainda tem “esmaecer”, que deixa as fotos com aspecto mais elegante e o “realce”, que destaca ainda mais sua foto.

Se quiser descobrir mais, ainda pode contar com alguns apps. Algumas dicas são PhotoGrid, Rookie Cam, Adobe Photoshop Express ou VSCO Cam.

Quantidade é qualidade.

A primeira foto na maioria das vezes não é o melhor que você poderia ter feito. Aproveite para treinar e não se contente com pouco. Faça várias imagens, com vários enquadramentos e iluminação. É a prática que faz um profissional.

Stories sem vergonha.

 

Os Stories são a mais nova mania para compartilhar momentos no Instagram. Aqui, duas dicas podem fazer você arrasar ainda mais na rede.

Zoom in e zoom out:

-Aperte e segure o botão de captação com um dedo e comece a gravar.

– Arraste levemente o mesmo dedo para cima ou para baixo para dar zoom in ou out.

Mencionar outras contas:

– Digite o símbolo @ seguido do nome de usuário da conta que você quer mencionar.

– Selecione a conta que quer mencionar no menu. É importante observar que você pode mencionar até 10 contas em cada Instagram Stories. Sempre que alguém é mencionado, ele recebe uma notificação assim como um preview da história no Direct Message.